Escultura Viking Boat
logo conferencia de runas sem fundo.png

Conferência de Runas e Espiritualidade Nórdica 

  • Robson Madredeus

Ansuz

Por Robson Madredeus



O despertar nos coloca em contato com os deuses e nos permite comunicar corretamente nossas intenções. A inspiração é fruto da conexão com o divino, com nossa própria essência divina. Quando algum som misterioso acorda sua divindade interior, brota junto uma força inspiradora que pode ser manifesta através da arte, da fé, da magia e de muitas outras formas que temos de expressar nossos dons. Pela boca chamamos os deuses, por ela também colocamos para fora nossas visões, a boca é um portal de manifestações.



“Deus é a fonte de toda linguagem,

Um pilar de sabedoria e de conforto aos homens sábios,

Uma benção e uma alegria a todo cavaleiro.”


Uma das formas mais fascinante de evocar e irradiar as frequências rúnicas é através da voz, nesta prática que chamamos de Galdr, que apesar de tradicionalmente ser um termo usado para se referir a uma métrica poética é atualmente como se nomeiam exercícios vocais baseados nos fonemas rúnicos.



Integrando Ansuz


Observe atentamente a imagem da runa Ansuz, por uns 30 segundos, enquanto inspira e expira com a imagem fixa diante de você, faça então uma respiração profunda e feche os olhos, mantenha mentalmente Ansuz a sua frente, pergunte para ela “ Ansuz, o que eu tenho comunicado ao mundo?” deixe que seu coração diga algo, se não intuir nada depois de uns 3 minutos peça “Ansuz, ajude-me a ter a inspiração divina da sabedoria ao ouvir e ao falar”

42 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Gebo

Kenaz